11 de setembro de 2017

O TERROR ECONÔMICO NEOLIBERAL AVANÇA

O terror econômico neoliberal no Brasil caminha para um notório impasse. Receitas impossíveis de crescer. Contingenciamentos, cortes, tesouradas, apertos fiscais, tetos, desempregos, suspensão de créditos, liquidação do patrimônio público, entrega de nossas reservas naturais e minerais e, para concluir o quadro de horror, ladrões compulsivos tocando e gerindo a máquina pública, de dentro e de fora da cadeia. O que o povo e o país podem esperar de tamanha degeneração e incompetência política? Somente o caos. Um caos anunciado, mas camuflado pelo sistema financeiro e pela mídia venal. Essa política já quebrou o país no governo FHC e o PT recuperou, mas agora fazem tudo para demonizá-lo. 

9 de setembro de 2017

PACTO DE SANGUE E PACTO OLIGÁRQUICO

O “pacto de sangue” que Palocci inusitadamente usou para acusar Lula junto à Odebrecht, foi rapidamente capturado pelo Globo para servir de marketing político. Puras ilações de Palocci, sem provas materiais e acusações requentadas, também sem absolutamente nenhuma prova concreta. Já o “pacto oligárquico” que o ministro dos STF, Luis Roberto Barroso, denunciou nos EUA, tem 500 anos, provas materiais e são os atuais exemplos envolvendo parlamentares do PMDB, PP, DEM, PSDB e outros, e que tem comparsas em todos os lugares: no governo, na imprensa, nos meios de produção (sistema financeiro atual, agrário, produtivo), na justiça, na polícia e nas forças armadas ( que pode voltar).

7 de setembro de 2017

"PACTO DE SANGUE" MARKETING POLÍTICO DO GLOBO

Quem se dá ao trabalho de ler a matéria da manchete do Globo “Pacto de sangue” verifica que a delação de Palocci é sem consistência, repete acusações sem provas e recebe, por parte do Globo, inúmeras ilações. Não precisa ser advogado de defesa para ver a má fé dessa mídia golpista e do delator que, aparentemente, sucumbiu à pressão da prisão, determinada pelo juiz Moro e sua quadrilha de malfeitores à justiça e à democracia. Pacto de sangue é um marketing, termo vazio (como foi o “mensalão”). A Odebrecht “teria” dado o sítio de Atibaia (verbo da indefinição). “Teria” dado o terreno do Instituto Lula (uma farsa, pois o Instituto nunca funcionou lá). Contratou Lula para palestras de 200 mil. Onde, como, quando? E todo presidente pode dar palestras, como foi o caso de FHC e todos outros. Disse que o partido recebeu 300 milhões. É um chute. Não prova nada. E se recebeu e foi registrado no TSE, foi legal, pois empresas poderiam doar. A partir dessas denúncias requentadas, somente ilações, ditas por ele, segundo o Globo,  de reuniões de Lula com a Odebrecht (que não participou e faz ilação) e de propinas ( o Globo passou a usar essa expressão para qualquer contribuição, legal ou não. Propina quando envolve o PT e contribuição quando envolve aliados).

6 de setembro de 2017

NO APAGAR DAS LUZES, JANOT, ENTRA EM CENA

A manchete do Globo “A organização criminosa do PT” confirma a reviravolta que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, resolveu dar nas suas investigações de corrupção. Não resistiu a pressão das elites financeiras e da mídia golpista. Numa tacada enfraqueceu toda acusação contra Temer e os demais corruptos golpistas do governo, desmoralizando a delação da JBS e se perdendo numa acusação sem sentido contra o STF e a PGR, por causa de um ex-procurador sem importância. Aliou-se ao teatro de farsa e moralismo das elites. Acovardou-se a única autoridade na justiça com alguma credibilidade. Para completar, no apagar das luzes, faz  acusação irresponsável, almejada pelos golpistas, contra Lula, Dilma, PT.


5 de setembro de 2017

DELATOR VIROU AMEAÇA ÀS ELITES GOLPISTAS

A manchete do Globo ”Conteúdo gravíssimo” é bem ilustrativa sobre a perseguição que a justiça resolveu fazer sobre o delator da JBS. Um delator altamente perigoso porque só atinge altas autoridades e pode chegar a elite rica golpista, por exemplo, os bancos e mídia. Por que o Globo chama de conteúdo gravíssimo quando atinge a JBS e não deu como gravíssimo à presidência da República, ministros e parlamentares? Um delator é mais grave do que autoridades políticas e econômicas que dirigem o país? Está mais do que claro que as elites resolveram dar um basta nas delações da JBS. Serve também de ameaça a outros delatores que não queiram seguir o script: delação só para o PT, Lula e Dilma

1 de setembro de 2017

GOVERNO SANGRA E VAMPIROS EXPLORAM

É certo que o Brasil de hoje não pode se comparar ao Brasil da escravidão, nem o Brasil da monarquia e da República Velha. Mas o Brasil de 2017 para os níveis de avanço da educação, ciência, tecnologia, economia, política, justiça e, principalmente ética, existente atualmente no mundo, é uma tragédia. Uma republiqueta de banana. Sua elite carrega rancores contra os pobres, desde a colonização. Criou uma situação caótica golpeando, mais uma vez, a soberania do povo. Colocou no poder uma quadrilha de ladrões para poder chantageá-los na obtenção de vantagens. Crescem as acusações de corrupção comprovada contra o presidente golpista. O governo sangra, mas os vampiros só almejam vantagens.  


31 de agosto de 2017

A INDÚSTRIA DAS NOTÍCIAS FALSAS

O Globo publicou um Encontro para tratar da “Indústria das Noticias Falsas”. Diz que essas notícias pela internet prejudicam a sociedade e movimenta milhões. O Encontro foi promovido pela Associação Brasileira de Comunicação Empresarial e revista “Época”, ou seja, a mídia tradicional, segundo eles a que não mente. Aí se encontra a maior ameaça de tragédia vivida pela humanidade atual. Desinformação absoluta da realidade, promovida pela imprensa tradicional. Informação cada vez mais única e falseada nas mãos de uns ínfimos grupos privados, que almejam apenas lucro. “Que se dane a humanidade”, é o que simbolizam. Por trás o sistema neoliberal que avança na sua devastação da vida e do planeta.            

26 de agosto de 2017

OUTRA MANCHETE MENTIROSA DO GLOBO

A manchete do Globo “Governo prevê arrecadar R$ 60 bi com privatizações” é descarada e mentirosa. Todos estão lembrados que essa mesma farsa foi aplicada no governo de Fernando Henrique Cardoso, do PSDB. Doaram as teles, a Vale, os bancos públicos, fábrica de motores e inúmeras estatais. Tudo abaixo do preço, financiado com dinheiro público (do BNDES). O país quebrou três vezes com Fernando Henrique, a dívida que eles disseram que seria paga, aumentou e foi o PT e Lula que pagaram o FMI, reduziram a dívida e fizeram uma reserva de 400 bilhões no Banco Central. Esses recursos das privatizações servem para engordar o caixa de grupos econômicos e bolsos dos corruptos que dirigem o país.


24 de agosto de 2017

OMISSÃO COM O AVANÇO DO NAZISMO E O BRASIL

Cabe no momento atual do Brasil a reflexão de Bertolt Brecht (1898-1956) sobre o surgimento do nazismo e a omissão de diferentes segmentos no seu avanço. No Brasil, golpearam a democracia para atingir o PT e Dilma. Como não era PT, nem Dilma, me calei. Depois contra os excluídos do bolsa família, o mais médicos, etc.  Não era excluído, o que me importa? Chega aos trabalhadores e servidores, com a terceirização e as reformas trabalhista e previdenciária. Não protestei. Tem início a depredação dos bens públicos. Atinge a Petrobras. Silenciei. Agora, Eletrobrás, Amazônia, áreas protegidas, riquezas naturais. Não há limites. Certamente atingirá à maioria. Mas quando me manifestar será tarde.


18 de agosto de 2017

NÃO É POSSÍVEL O BRASIL AFUNDAR DE REPENTE

Devido a manipulação da mídia monopolizada e venal uma parcela majoritária da população pode se mostrar indiferente ao descarrilamento da política e da economia brasileira, após o golpe de 2015/16, contra o governo do PT e Dilma.  Mas ela certamente está fazendo seu julgamento. Não é possível que o Brasil, desde 2003, caminhasse crescendo, reduzindo o desemprego, controlando a inflação, distribuindo benefícios (bolsa família, mais médicos, residências, escolas técnicas e universitárias), desenvolvendo o mercado interno, estimulando indústria e comércio, corrigindo salário mínimo, abrindo concursos públicos, fortalecendo o Estado, descobrindo petróleo no pré-sal, respeitado internacionalmente, possa caminhar para o abismo repentinamente. Por quê? O que houve

16 de agosto de 2017

"ESCALPELAR O INIMIGO" É A ORDEM NEOLIBERAL

“Escalpelar o inimigo” é a palavra de ordem dos golpistas. Os inimigos são os servidores civis do executivo, os trabalhadores assalariados, os bens públicos mais valiosos do Estado. Mas atinge a todos, direta e indiretamente, inclusive os paneleiros, por causa da violência que aumenta, com o desemprego e a recessão. Entre os principais golpistas  (sistema financeiro, equipe econômica, o Globo, centrão e governo) crescem as contradições, devido a jogos de interesses. A política de austeridade, que levou a Europa e EUA a recuarem e o Brasil, no período Lula e Dilma, a desenvolver uma política contrária, de estímulo ao mercado interno e o consumo, foi toda desmontada pelos golpistas. O resultado é a tragédia


12 de agosto de 2017

A BESTA REAÇÃO AVANÇA NA VENEZUELA

Para a esquerda e setores democráticos mais conscientes e conhecedores da história a situação que vive a Venezuela é fácil entender. Mas não acontece o mesmo com esquerdistas oportunistas e uma falsa esquerda no meio jornalístico, que não medem esforços para se aproximar e se manter junto ao poder. Na Venezuela é a histórica reação que avança. Não se trata de uma ilha, como Cuba, mas eles vão isolá-la, com bloqueios econômicos, ameaças e boicotes do empresariado local. A estratégia é repetitiva e conhecida: o desmonte da resistência neoliberal na América do Sul (no passado a dita subversão). elegeram a direita na Argentina, golpearam o Brasil e vão avançar na Bolívia e Equador. Só a história vai revelar o epílogo.

QUAL É OU SERÁ O LIMITE DESSA QUADRILHA?

É quase impossível prever onde essa quadrilha que assaltou o Brasil pretende chegar. O mercado financeiro, que bancou e banca o golpe com apoio do Globo e demais TVs e mídia em geral estão enclausurados em suas contradições, tanto na economia, quanto na política. Na economia, se continuarem com suas estratégias levam à falência o país e seu povo. Cortam gastos do Estado, vendem o Estado e chegam ao seu limite. É heresia tributar o capital e a renda. Na política, mantém uma quadrilha de corruptos, eleitos por empresas privadas para derrubar a democracia. Conseguiram. Mas manter a corrupção torna-se cada vez mais onerosa e a fatura virá, mas não se sabe como, nem quando.  

9 de agosto de 2017

PARA O MERCADO APOSENTADO É LIXO

No caderno de economia do Globo a manchete “Peso no Orçamento” diz que a previdência consome 7 vezes mais que a saúde e 23 vezes mais que as despesas com benefícios. E mostra o montante do valor que eles querem, hoje, surrupiar do aposentado: R$ 736 bilhões. Alega que está se dando dinheiro para aposentado e não para investir em infraestrutura. Mostra bem como pensa o neoliberalismo: investir no trabalhador que deu seu suor por 35 anos é desperdício, é déficit. Para o neoliberalismo aposentado é lixo, pois está fora do mercado. Além do mais, esse déficit é mentiroso porque o valor da aposentadoria é descontado mensalmente durante anos e eles desviam para outros fins. Não há déficit, há desvio

8 de agosto de 2017

NA DESESPERANÇA DOS BRASILEIROS O QUE FAZER?


O momento político brasileiro merece uma grande reflexão dos setores mais esclarecidos. Os golpistas semeiam uma desesperança, quem sabe proposital, para, a exemplo do nazismo na Alemanha e nos EUA, de Trump, lançar um programa demagógico, nacionalista, moralista e de salvação nacional. Em qualquer das hipóteses Lula tem de ser afastado. O candidato deles deve ter um perfil de reality show, sem vínculo partidário, manobrável pelo mercado. Jovens , desempregados e classe média alta (e até baixa) são o público alvo. Aos setores esclarecidos, o que resta fazer?  Não perder a esperança, ter paciência na conscientização de quem está mais próximo. Usar a rede, ir para a rua, desqualificar a mídia e a estratégia golpista

6 de agosto de 2017

SÃO PAULO- A OLIGARQUIA TUCANA

Carta Capital, a única representante da mídia democrática que pratica a verdadeira liberdade de imprensa, coloca em sua manchete principal de capa o título: “São Paulo- A Oligarquia Tucana”. São oito páginas de denúncias vergonhosas dessa grande metrópole Brasileira. Alguns brasileiros já haviam percebido que no governo de do PSDB de S.Paulo as denúncias não pegam, como: trensalão, merenda escolar, rodoanel, cratera do metrô, privatização dos pedágios e muitos outros crimes de corrupção. Lá, o governo capturou a justiça e seu Ministério Público, com aumentos acima do teto nacional. O PMDB, PSB e outros partidos dão cobertura a esses escândalos, além do Estadão e da Folha de S.Paulo. Na realidade é a base dessa escola que chegou à Brasília

4 de agosto de 2017

A ESTRATÉGIA DO GLOBO É MANTER OS CORRUPTOS REFENS

Vai ficando bem clara a estratégia dos principais articuladores do golpe: sistema financeiro/mercado/banco, indústrias nacionais e multinacionais, Fiesp, EUA, o Globo, demais TVs, Estadão, Folha de S.Paulo. O Globo e a mídia em geral fazem o papel de carrasco, que mantém a guilhotina suspensa sob à cabeça dos corruptos e delatores. Está claro que não é o combate à corrupção que interessa. Pelo contrário, a corrupção, nesse caso, ajuda, é um trunfo e mantém os bandidos reféns. E o que interessa à rede Globo? A reforma da previdência, outras reformas contra o trabalhador e a entrega do que restou do patrimônio público para grupos privados. Auxiliam nessa empreitada: lava-jato, STF, MPs, PF, TCU.


2 de agosto de 2017

HÁ UMA DIFERENÇA ENTRE O GOLPE DE 64 E 2016

Entre o golpe de 1964 e o de 2016 existe uma diferença essencial: em 64 existia o socialismo internacional, com dezenas de nações, metade da população mundial, armas nucleares e uma ideologia forte, que ameaçava todo o sistema capitalista. Foi em função dessa ameaça que EUA financiou a reconstrução da Europa, dizimada pela guerra e adotou a política do bem-estar social (Estado social forte). O Brasil realizou a revolução burguesa com Vargas e todas as reformas sociais urbanas, antes que os comunistas descessem o morro, segundo Vargas. Em 2016, o quadro é diferente. Com a queda do socialismo internacional (1992) o capitalismo ocupou todos os espaços e globalizou. Sua estratégia de dominação é brutal e autoritária. Massifica a ideologia em todas as frentes: na economia, no social, na política e na cultura (utilizando a arte e a comunicação). Mesmo uma frente unindo Lula, as esquerdas, sindicatos, operários, estudantes, intelectuais, movimentos organizados terá enormes dificuldades para enfrentar o neoliberalismo, devido seu controle absoluto da opinião pública. É possível acreditar que uma frente de âmbito internacional, possa ser formada, devido ás dificuldades semelhantes do planeta.


30 de julho de 2017

O GLOBO E SUA ESQUIZOFRENIA

O Globo, no caderno de economia publica a manchete “À beira do apagão”. Diz que o aperto no orçamento federal transforma o mês de agosto no mês do desgosto para os órgãos públicos. Mostra que todos os órgãos estão seriamente ameaçados de paralisar suas atividades. De duas uma: ou o Globo é esquizofrênico ou almeja transformar toda a população esquizofrênica. Esquizofrenia caracteriza (segundo o dicionário) uma dissolução entre o pensamento e a ação, e que provocam a perda de contato com a realidade. A pergunta que não se cala: alguém tem dúvida que foi e  é O Globo o principal baluarte desse governo?

29 de julho de 2017

POR QUE ESSA INDIFERENÇA DA POPULAÇÃO?

Com tanta barbaridade praticada por um governo ilegítimo, brasileiros indignados se perguntam: por que a maioria da população permanece tão indiferente? Uma leitura que pode responder a essa estupefação de alguns é a falta de consciência de classe, ou seja, a luta de classe. Essa maioria ignora que a sociedade foi estruturada em cima de duas classes: a rica e a pobre. E é a classe rica quem domina, explora e reprime os pobres, desde o escravismo. Os ricos alegam que pobre é pobre por falta de competência, que a sociedade é livre e igual para todos (uma mentira). Para manter essa conciliação e farsa os ricos utilizam quatro instituições: Estado repressor, escola, igreja e imprensa. 

28 de julho de 2017

EQUILÍBRIO SUICIDA ENTRE DESPESA E RECEITA

Está difícil prever qual será o limite  desse contorcionismo político que a direita golpista ( basicamente mercado financeiro e Globo) faz para chegar aos seus objetivos compulsivos de lucro e poder. A economia estabeleceu uma meta suicida de corte de despesa e receita, onde o golpista Temer, refém dessas forças, doa bens públicos para grupos privados, perdoa dívidas bilionárias de empresas e bancos, para agradar o mercado, corta salários e direitos da população trabalhadora e do povo em geral,  na saúde, educação, transporte, moradia. Enfim, o caos. O Brasil é um Titanic em velocidade contra um iceberg. Inexiste liberdade de imprensa e opinião, a direita tem hegemonia e a esquerda sem acesso à massa.

27 de julho de 2017

COM TEMER OU SEM TEMER BRASIL VAI A ÓBITO

Faltam palavras que possam explicar a miopia, a tragédia que está embutida na manchete do Globo “Governo calcula já ter 257 votos contra denúncia”. Será que essa elite enlouqueceu? Será que ela não percebe que a questão de Temer ficar ou sair não vai estancar o sangramento mortal que vive a nação? Será que vão insistir nas reformas para beneficiar meia dúzia de banqueiros e famílias, com uma política que está levando o país contra um gigantesco iceberg, onde todos irão a pique? Derrubam um governo legítimo e colocam um grupo de mafiosos e corruptos  comprovados, para dilapidar uma nação inteira e seu povo, que permanece incrivelmente indiferente face a manipulação criminosa da falta de formação e informação

BRASIL, UMA COLÔNIA ESCRAVISTA

O mundo atual, do capitalismo neoliberal vive, pelo menos, três experiências e momentos que irão definir seu futuro: EUA, França e Brasil. A maior potência econômica mundial desmoraliza sua decantada democracia e elege um presidente totalmente insano ao mundo atual; a França potência, dita intelectual e cultural, dá ao neoliberalismo um presidente com maioria legislativa. A fatura vai sair cara. E finalmente Brasil. Um país continente, rico no solo e subsolo, sem deserto, terremoto, tornado, terror, 7ª economia, 4º. em população, vivendo as consequências de sua estrutura colonial, monárquica e agrária sendo subestimado e desdenhado por sua elite, como se permanecesse uma colônia escravista

25 de julho de 2017

O BRASIL CAMINHA PARA O CAOS



É possível que apenas um quinto da população esteja percebendo que o Brasil caminha para um impasse político, social e econômico caótico. Não se vislumbra uma estratégia por parte dos golpistas históricos. Com Getúlio e Jango a participação também não era diferente. Mas existia um Estado forte, CLT, a Petrobras e demais garantias sociais. Agora não. O neoliberalismo só destrói, até a indústria. A economia não tem quem financie a produção. O mercado consumidor interno sendo destruído, o desemprego, e como consequência a violência, crescendo assustadoramente, falta liberdade de imprensa e no comando do país colocaram os ladrões. 

23 de julho de 2017

E O FUTURO DESSA TRAGÉDIA?

Esse acordão que reuniu o sistema financeiro (bancos), Fiesp (industria), o agronegócio e a mídia, com destaque para a rede Globo, por atingir todo território nacional, estabeleceu que a experiência popular dos treze anos do PT tinha de acabar. E ponto final. Tentaram o mensalão, mas recuaram no golpe à Lula. Dilma foi a caça estabelecida, talvez pela pouca experiência da política partidária.. No Brasil, não tem imigrantes, nem terrorismo como na Europa e EUA para a direita neoliberal e fascista chegar ao poder. O comunismo que serviu aos golpista no passado ruiu. Aqui, e na América do Sul, a estratégia é a corrupção. O mensalão tirou nossos principais líderes. E, agora, o petrolão, tirou Dilma e o PT do poder. Essa operação lava-jato é o principal instrumento. dos golpistas. Faz de conta que punem empresários (fazem chantagem para delação do PT)) e políticos da situação, mas o fim mesmo é acabar com a raça do PT e de Lula. Findo isso acaba o teatro lava-jato. Tudo uma farsa, onde o Globo é maestro. Deram uma punição branda para Cunha e Cabral, e fica nisso. Daqui três anos estão livres. Aécio, Temer, Padilha, Sarney, Picciani e inúmeros outros corruptos golpistas ficam para as calendas gregas. É assim que funciona a luta de classe. Aos ricos tudo, aos pobres à condenação. E a população como está nisso tudo? Um setor médio que se acha rico porque tem poupança elevada, bom salário, excelente residência é conservadora e apóia o governo. Outro setor médio está confuso entre o que o Globo diz e o que vê na realidade (desemprego, violência, etc). E o povão? Esse é a herança terrível dos 300 anos de escravidão, monarquia, ditadura. Está indiferente e sofrendo cada vez mais na pele as injustiças. E o futuro dessa tragédia? Impossível prever

19 de julho de 2017

GLOBO OPTA POR MAIA E CONTRA TEMER

A manchete do Globo “Disputa por dissidentes” mostra que o Globo entrou de corpo e alma na intriga (sua especialidade) contra Temer e a favor de Maia. Como os dois lados são bandidos e especialistas em chantagens, não dá ainda para dizer quem já venceu. Mas o tempo corre contra Temer, devido ao poder de fogo que tem o Globo. Maia, ao que tudo indica, nesse momento, presta-se mais aos objetivos dos Marinhos por dois motivos: tem maior domínio sobre o Congresso, para pautar as reformas e mudanças neoliberais e dá aos Marinhos (Globo) um controle mais absoluto sobre a política. Mas, Lula e o PT, sempre serão considerados os maiores inimigos.

16 de julho de 2017

NA ESCRAVIDÃO,DITADURA E AGORA, TUDO LEGAL

Nos 300 anos de escravidão os açoites e assassinatos de escravos eram legais. Na ditadura militar a tortura e os assassinatos eram também legais, pois nos dois casos as elites alegavam que obedeciam leis. Leis e justiça que eles mesmos produziam. Agora, o Brasil vive momento semelhante. O sistema financeiro e a grande mídia monopolista se uniram, rasgaram a Constituição e deram o golpe. Pouco importam as leis, porque a justiça é dessas elites e dá  aval. O caso Lula é bem elucidativo. Dão a interpretação que interessa: Lula é dono do sítio de Atibaia e do triplex do Guarujá e ponto final. Não precisa de provas, nem estar no seu nome. Nós assim queremos.


OBSTRUÇÃO DE JUSTIÇA E O PRESIDENTE TEMER

 Brasil, com esse golpe perpetrado pelo sistema financeiro, o mercado e a mídia, principalmente O Globo, devido sua penetração por todo o país, está vivenciando uma situação de calamidade  social, econômica e política, onde ninguém pode imaginar suas consequências. Uma tragédia ética e moral. Resumindo: “Obstrução de justiça”. Qualquer cidadão nessa situação pode ser afastado e preso, menos um presidente da República, comprovadamente ladrão e chefe de quadrilha, como acusa a PGR. Para obstruir a justiça e comprar seus julgadores, vem desviando do erário público bilhões de reais. E nada se faz e nada acontece. Será o limite dessa elite?


15 de julho de 2017

REFORMA TRABALHISTA: UM MASSACRE DO PATRÃO


A sociedade historicamente é a luta de classe, passando pelo escravismo, feudalismo e chegando ao capitalismo. No Brasil, quem se dá ao trabalho  e a paciência de ler, ouvir e ver a rede Globo não tem dúvida. É um proprietário de meio de produção (empresa jornalística), que defende os patrões. É com essa visão que a população não proprietária dos meios de produção (fábricas, bancos, terras, etc) devia ver o Globo. Nesses atentados e golpes, com suporte do Globo, contra lideranças populares (Getúlio,Jango, Lula, Brizola, Dilma, etc) essa é a questão central. A reforma trabalhista é clara nessa luta de classe: o patrão elimina a intermediação dos sindicatos dos trabalhadores e transfere para o empregado (individual) a negociação de férias, remuneração, indenização, licenças, demissões, etc.Enfim, mais um massacre do patrão

13 de julho de 2017

A MANCHETE GARRAFAL DO GLOBO CONDENADO LULA

A manchete garrafal de primeira página do jornal historicamente golpista O Globo “Lula é o primeiro ex-presidente condenado”  tem diversas leituras: primeiro, a pressa em condenar Lula, logo após a reforma trabalhista, para tirar o foco das críticas, que tira direitos do trabalhador; segundo, diminuir a atenção dos ladrões principais, que assumiram o poder, cujas provas são irrefutáveis; terceiro, desmoralizar Lula, mesmo sendo absolvido por falta de provas concretas, como é provável, para impedir que ele ganhe as eleições de 2018, com maioria no Congresso, e, com isso, torne sem efeito essas medidas criminosas contra os trabalhadores e o país, que o golpe à Dilma e ao PT teve e tem como objetivo principal.


12 de julho de 2017

NA INQUISIÇÃO ATUAL O MERCADO SUBSTITUI A IGREJA

O Tribunal de Inquisição, que na idade média tinha o comando da Igreja Católica, agora, no Brasil, em pleno século XXI, tem no comando o chamado mercado financeiro (bancos e instituições financeiras) e como inquisidor geral, o juiz Sérgio Moro. Acusa e condena Lula por obstrução de justiça (acusação altamente subjetiva), dono de um triplex , cuja escritura nem em seu nome está  e de receber vantagens indevidas da Odebrecht (sem nenhuma prova concreta de conta em banco, mala ou patrimônio). A república de Curitiba transformou-se numa farsa judicial. Enquanto isso, a sociedade assiste um presidente da república, ministros, parlamentares golpistas com inúmeras provas de corrupção, decidindo e votando leis contra o país e o trabalhador. E tudo  só se torna viável porque existe uma mídia dando cobertura e sustentação, portanto, também corrupta. 

11 de julho de 2017

O CASTIGO AO PT VOLTA-SE AOS GOLPISTAS

Uma das leituras que se pode fazer desse lamaçal que está envolvendo os  golpistas, é que tudo isso só acontece por dois motivos: primeiro, o petrolão (marketing político para repisar o mensalão) foi criado para atingir a gestão e envolvimento direto dos petistas; segundo,  toda essa investigação só está sendo possível devido a capacitação e autonomia dada pelo PT aos órgãos de investigação. De forma que, iniciado o processo de investigação, tornou-se  impossível parar, dada as graves denúncias comprovadas envolvendo, não o PT, mas partidos da coalizão, principalmente o maior aliado, PMDB e o principal oponente PSDB. Dilma e Lula, que eles querem atingir, são inocentes e não há provas.


8 de julho de 2017

MERCADO É A MESMA DIVINDADE DA MONARQUIA

A matéria do Globo, no caderno economia “Futuro incerto- Aposta em cenário sem Temer” é absolutamente cristalina sobre o problema da economia do Brasil e mundial. Mercado, é a palavra mágica.  Não diz nada, mas onde se lê mercado, leia-se bancos e sistema financeiro, que é quem decide a economia brasileira e mundial. Uma  divindade, como era a monarquia. Todo o golpe no Brasil está subordinado a esse sistema, assim como no passado foi ao latifúndio e posteriormente às indústrias. A luta de classe. Não interessa se é Temer, Maia ou outro. Interessa a força política e a servidão a seus interesses. O PT distribui renda e pensa em pobre, não serve. É simples assim.

6 de julho de 2017

O GLOBO FAZ A DEFESA DE TEMER


O Globo descaradamente faz a defesa de Temer e dos corruptos do governo. Defende e publica a versão de Temer e da sua defesa. Hipocritamente usa a justificativa de ter que dar a versão dos fatos. Mas os fatos sempre têm duas versões. Contra o PT, só acusação, mesmo sem provas. No caso dos golpistas, atolados  em corrupção,  só defesa.  O Globo não morde e assopra corruptos, só assopra. E por que o Globo, está ombro a ombro com a corrupção? Pelo menos dois motivos: está sem alternativa para manter o poder e, provavelmente, comprometimentos graves de benesses, isenções, sonegações que têm há anos. Há também temor dos delatores.  


30 de junho de 2017

LIVRE MERCADO IMPLODE TUDO


Os fatos muito estranhos que vem ocorrendo  no Brasil e que fazem setores  esclarecidos da sociedade ficarem de “cabelo em pé”, permite diversas leituras. Sem dúvida, o capitalismo atual, que prioriza o mercado ao voto, à democracia e à estrutura republicana dos três poderes e que serviu no passado para derrubar à monarquia e implantar a chamada revolução industrial, sofreu e sofre profundas alterações, após o fim da URSS. Cada país uma realidade, mas o fim é o mesmo. No Brasil,  implodiram e  desmoralizaram a República e seus Poderes.  Mercado e a mídia, por exemplo,  não se satisfazem mais em influenciar o governo, mas em fazê-lo.


27 de junho de 2017

OUTRA MANCHETE MENTIROSA DO GLOBO

A manchete do Globo “Um presidente denunciado” tem duas mentiras e muita hipocrisia: primeiro, Temer não está sendo denunciado, Temer, está mais que provado é corrupto e chefe de uma quadrilha que assaltou o poder, tirando uma presidente honesta do poder. Segundo, não é Temer o maior acusado, é o Globo, os bancos, a Fiesp e empresários, a maioria dos congressistas, o STF, o MP, a PF, TCU, setores paneleiros da classe média. Enfim, todos que rasgaram e golpearam a Constituição e montaram a farsa das pedaladas da Dilma. Essa elite colocou o Brasil no fundo do poço. Agora, só esperam o Moro para dar uma saída a essa tragédia, condenando Lula, sem prova alguma de crime. Fim do espetáculo.





19 de junho de 2017

NÃO CONCILIAR COM OS GOLPISTAS


Não conciliar. Não seria ainda a luta de classe. Não conciliar com o desmonte da ordem burguesa, que a própria elite montou, como foi a Constituição de 46 e de 88. O país precisa de leis que sejam cumpridas. Os golpes de 64 e de 2016 representam um ultraje, um golpe de classe. Em 64, houve a conciliação com a anistia, que esquerda e progressistas omitiram-se. Conclusão: mais torturas e mais golpe. Agora, FHC, estende as mãos sugerindo acordo eleitoral. A direita está sem saída.  Desmoraliza-se dia-a-dia junto a opinião pública. Como sempre, criam o problema, apertam o torniquete para depois ceder. Cabe aos democratas e a esquerda firmar um programa mínimo: reforma do Estado e política, desconcentração da renda e regulação da mídia.


14 de junho de 2017

CINISMO DO GLOBO NA DEFESA DE MIRIAM LEITÃO


É muito cinismo do Globo querer se fazer de vítima na defesa da jornalista, Miriam Leitão, chamando de fascista as manifestações populares no voo de Brasília/Rio. Falta absoluta autoridade moral ao Globo e memória do seu apoio à tortura, assassinato e falta de liberdade em 64. Ao apoio, em 2016, ao golpe à presidente Dilma. Apoio que dá à gestão atual, comprometida em crimes  no executivo e legislativo federal. Tudo isso para favorecer banqueiros e o mercado, que saqueiam  o país, desempregam, retiram aposentadorias, salários e demais direitos. E isso só sendo possível com o beneplácito de jornalistas comprados pelo patrão como Miriam Leitão e outros.


13 de junho de 2017

SUICÍDIO DA JUSTIÇA E DA DEMOCRACIA


Todo essa tragédia teatral que vive o Brasil atual só tem uma explicação: a elite colonial e neoliberal acaba de levar ao suicídio toda a justiça, a democracia e a República brasileira. O que virá depois ninguém sabe. Esse horror vai ficar registrado na história como ficou o golpe de 64. Misturaram para absolver, de propósito, um corrupto comprovado (62 acusações), Temer, com uma ex-presidente (Dilma) cassada ilegalmente, sem crime comprovado,  sem conta corrente de dinheiro ilícito ou possuidora de imóvel irregular, unicamente baseado em investigações secretas, fajutas e burocráticas e delações sem provas. Mais uma vez fica provado que o primeiro Poder é a mídia (o Globo).


8 de junho de 2017

GOLPISTAS MISTURAM CRIMES DE TEMER COM DILMA


Os golpistas querem misturar a cassação de um presidente da República com 82 acusações indefensáveis de crimes com uma ex-presidente, cassada sem prova alguma de crime, a não ser por burocracias tolas e perfeitamente defensáveis. Dilma jamais recebeu propina em qualquer conta no Brasil ou no exterior. Não possui nenhum patrimônio sem comprovação além de suas posses. Não integra nenhuma das 82 acusações que seus algozes possuem. Seus delatores, por pressão e ameaças de prisão, não comprovam nenhum envolvimento direto de Dilma em qualquer ilícito. Mas são cínicos,  principalmente a mídia golpista, misturam a cassação como se fossem dois criminosos


7 de junho de 2017

A ÚNICA SAÍDA LEGAL A ELITE ABOMINA


Mais uma vez os interesses mesquinhos de uma elite colonial, agora unida à neoliberal, coloca o Brasil numa situação de impasse constitucional. Foi assim em 64 e repete agora em 2017. Em 64, a intriga e a mentira usou a subversão, agora a corrupção. Por trás de tudo são interesses econômicos de grupos privilegiados, nacionais e internacionais. Em 64, durou 21 anos com mortes, torturas e falta de  liberdades. E agora? Total impasse. Rasgaram a Constituição e desrespeitaram o voto popular. Todos sabem como começa, mas não como termina. Seguindo a estratégia das elites financeiras o impasse se aprofunda. A saída legal a elite abomina: eleições gerais e reforma política,  através de uma constituinte específica.


5 de junho de 2017

OU POVO NA RUA OU BANQUEIROS VENCEM


Parece óbvia a estratégia dos banqueiros (responsáveis principais pelo caos do país) nessa crise, econômica e ética, atual que vive o Brasil: com Temer ou sem Temer o importante são as reformas que vão garantir o aumento de seus lucros. É só isso que eles visam e pensam. PSDB, DEM e outros partidos golpistas e de direita somam-se aos comprados diretamente pelos empresários. Nos seus cálculos formam a maioria que precisam para fazer as reformas.São totalmente avessos às diretas já ou qualquer processo eleitoral que altere o Congresso inédito e venal da atualidade. A única alternativa que resta ao povo, é o próprio ir para as ruas e exigir as eleições. A se manter a indiferença e o individualismo atual da  maioria da sociedade, a causa estará perdida.


4 de junho de 2017

VEJA COMO A GLOBO APRENDEU COM GOEBBELS


O Ministério Público Federal (MPF) pede condenação e prisão de Lula baseado em dois fatos: lavagem do triplex do apartamento de Guarujá, cuja escritura está em nome da OAS e não pertence a Lula (baseia-se em indício, chamam de provas indiciárias). Diz que a dificuldade da prova é devido a profissionalização do ladrão (Lula). A outra prova é o esquema de corrupção da Petrobras, Lula, diz o MPF, é o responsável, pois ao invés de buscar alinhamento “ideológico” para governar o país, entregou para partidos aliados, destinados a apoio (comprar) parlamentar. Toda essa linha da pensamento jurídica/golpista tem o suporte do Globo e outros e fazem inveja aos 10 princípios de Joseph Paul Goebbels, ministro da propaganda nazista.
Conheça os princípios nazistas de Goebbels e veja como o Globo aprendeu bem a lição.
1º. escolha um inimigo único (advinha?)
2º. atribua todos os males a esse inimigo;
3º. aumente os delitos do inimigo;
4º. transforme boatos em fatos e notícias;
5º. bombardeie o inimigo para as pessoas não refletirem;
6º. cite versões de especialistas sobre o inimigo;
7º. omita notícias que favoreçam o inimigo;
8º. mantenha ligada as acusações do presente com as do passado;
9º. convirja sempre crime de interesse geral (corrupção) contra ele;

10º. busque contaminar seus amigos e aliados.

3 de junho de 2017

NO BRASIL, QUAL O LIMITE PARA CONCILIAÇÃO?



Aos 70 anos, Lula, ferido com a morte da ex-companheira, dos filhos acusados de crimes e sofrendo diariamente, há 20 anos, uma perseguição selvagem de intrigas dos meios de comunicação reacionários, preocupa  quanto aos seus limites. Na nossa história Getúlio, Jango, JK, Brizola, líderes de massa mais populares não resistiram. Nos países ricos (EUA, Europa)  assiste-se outra tragédia:  a prevalência de uma opção política entre neoliberalismo e nacionalismo nazi/fascista, regado com guerras, terrorismo, imigração, desemprego,  e uma esquerda sem apoio para mudar. No Brasil,  algo usual na política: uma elite corrupta, rasga a constituição, golpeia a soberania, persegue presidente popular e seu partido. Que lado essa elite vira-lata vai preencher junto aos ricos? E o povo, Lula, PT, os democratas, como se posicionam nesse quadro? Conciliam? Qual o limite?

1 de junho de 2017

O QUE PRETENDE O TEATRO DE HORROR NEOLIBERAL?


O que fazer com o teatro de horror que o sistema financeiro (que busca tornar o país refém do mercado de títulos e da bolsa de valores), a Fiesp e a mídia monopolizada e venal, após implantarem no Brasil um golpe constitucional contra a soberania popular? Qual foi e é o objetivo desse golpe? Para uma parcela da população é tudo muito óbvio, mas ainda conta com a indiferença de boa parte: retirar direitos e benefícios dos pobres e da classe média, para aumentar seus lucros. Compraram uma parte do Congresso. Esse é o maior dilema, pois em qualquer outro quadro político eleitoral vão interromper uma estratégia criminosa de anos. E agora, José? Sustentar um cadáver como Temer? Manter os corruptos do Congresso? Correr riscos de se isolar cada vez mais?


25 de abril de 2017

GLOBO E LAVA-JATO ALIADOS E SEM LIMITES


A independência judicial como defende o Globo é a mesma que prega na independência da liberdade de imprensa. Uma farsa. Por quê? Na democracia nada é ilimitado. Tudo e todos tem que ter limites, direitos e deveres. O Globo, por exemplo, não tem limites. Desde sua adesão à ditadura militar e a seus crimes, foi-lhe concedido benesses de isenções tributárias e financiamentos, que a transformou nesse monopólio inconstitucional de hoje.  Na justiça um juiz, Moro, por exemplo, se cometer crimes, como esses que investiga e julga, não será punido. Será aposentado com todos os direitos. É justo? Será que essa correção vai retirar a independência do judiciário? Da mesma forma, será censura a regulamentação dos meios de comunicação, previsto na Constituição, como acusa o Globo? O juiz Moro, a lava-jato e o judiciário não podem ficar como um Deus onipotente, tem que haver leis e limites. O que se vê são dois pesos, duas medidas. Prende-se como chantagem para delatar e não para combater a corrupção. E a delação é nitidamente vazada à Globo para atingir Lula e o PT, mesmo sem provas. Estão arrancando delações à fórceps  de presos reféns. Eles entregam a mãe. A hipocrisia da Globo, aliada à lava-jato, está paralisando o país e levando milhões ao desemprego, com o falso argumento de combater a corrupção.

24 de abril de 2017

MÁXIMA DO NAZISMO SE APLICA AO BRASIL


 
A máxima do nazismo de Hitler: “primeiro os comunistas, depois  sindicalistas, os operários, os judeus e outros. Como não era nenhum deles, me omiti. Quando chegou a minha vez estava isolado e fui pego com facilidade”. É assim que a história se repete no Brasil com o golpe neoliberal. Primeiro rasga a Constituição, golpeia a presidente eleita, sem crime, depois persegue os petistas, depois fixa teto de gastos, depois terceiriza, desemprega, depois mexe na previdência, na CLT. Mas como não sou a presidente, nem PT, estou aposentado, não sou terceirizado, estou empregado, sou juiz, procurador, militar das forças armadas, jornalista da Globo e do alto escalão do serviço público e privado, me calo, me omito. Pois é, é assim que funciona o ovo da serpente. Desenvolve-se tenra e escondida no ventre da mamãe e nasce com o veneno que trás violência, que atinge a todos.  

21 de abril de 2017

O GLOBO COLOCA O BRASIL SEM RUMO


As manchetes do Globo “Se tiver, destrua”, em que diz que Lula instruiu sócio da OAS a dar fim a provas de pagamentos de propina ao PT; a de que Palocci diz estar disposto a acusar Lula (mesmo antes da delação ser efetivada); a do eterno Triplex que era (do verbo nunca foi) para o Lula, mas na verdade é a Globo que insiste em presentear Lula, mostra uma imprensa marrom (centrada em aberrações, escândalos e intrigas). Muito provavelmente é nessa imprensa que se encontra o maior risco do país e sua população, desde a década de 50. Por quê? Pelo seu papel e responsabilidade na informação e formação da opinião pública. Quando uma mídia abandona o interesse público, para se dedicar apenas ao seu interesse de lucro e poder, acabou a liberdade de imprensa e o país se transforma no que é hoje o Brasil: sem rumo.

 

20 de abril de 2017

AFINAL, POR QUE ESSA FÚRIA DO MEIRELLES?

Afinal, a que atribuir essa fúria do Henrique Meirelles e equipe econômica do governo Temer contra os direitos dos trabalhadores? Muito simples: Meirelles é um representante do Banco Mundial e dos banqueiros em geral. Foi designado pelo governo golpista para comandar o Ministério da Fazenda e cuidar para que não falte dinheiro para pagar os juros da dívida externa brasileira, já que liquidá-la é impossível. Em 2016, somente os juros atingiram 500 bilhões de reais. Superando o orçamento dos três maiores ministérios brasileiros. Não há controle e cresce a cada ano. Todo  brasileiro vai trabalhar somente para pagar os banqueiros. É para isso que veio o golpe. As primeiras vítimas são o Estado social, a previdência, os servidores e os trabalhadores celetistas e não distingue coxinhas, paneleiros e outros golpistas

18 de abril de 2017

LISTA FECHADA: DO PT E DOS CORRUPTOS


Para uma parcela majoritária da população é bom esclarecer o significado do que vem a ser “lista fechada” na reforma política. Na primeira etapa dessa discussão a lista fechada foi uma bandeira do PT e tinha nos demais partidos conservadores, sua total rejeição. Agora, os partidos conservadores a defendem. E por quê? O que mudou na, dita, lista fechada? Primeiro, deixar claro que a lista fechada visa impedir artista e jogadores famosos, donos de programas de rádio e TVs, homens e mulheres milionários, não só se elegerem sem compromisso com programas, como arrastar inúmeros eleitos, sem representatividade no seu rastro (caso Tiririca). Um oportunismo sem compromisso com partidos e idéias. A lista fechada é a proposta para fortalecer o partido. Foi essa a proposta do PT. Agora, os oportunistas de direita, envolvidos na lava-jato, querem a lista fechada para se elegerem. Mas há antídotos para manter e lista fechada e banir (ou dificultar) os corruptos dessa lista. É o caso da escolha ser eleita e secreta, em uma (ou mais) convenção livremente democrática dos partidos, retirando da direção do partido a escolha. Manipulação  pode ocorrer, mas, além de mais difícil, o mal será menor do que a eleição  nos moldes oportunistas atuais, sem compromisso e sem referência.   

17 de abril de 2017

CORRUPÇÃO É ENGODO. PREVIDÊNCIA É A META


Seria cômica, se não fosse tão séria e grave a manchete do Globo: “Governo: crise não muda reforma da Previdência”. Para quem sabe ler um pouquinho e tem uma mínima noção de política, a leitura é muito óbvia: mesmo com a falta de legitimidade, devido ao golpe, sem crime, em Dilma e nos 54 milhões de eleitores e com todos os ministros envolvidos em comprovada corrupção, inclusive o próprio presidente da República, eles pretendem dar prosseguimento a uma reforma que tem mais de sete décadas e nem a ditadura militar teve coragem de mexer. A leitura é mais que óbvia: corrupção é apenas um detalhe, um jogo de cena. O interesse é atingir o trabalhador e garantir maior lucro para os patrões.

 

16 de abril de 2017

AS CONTRADIÇÕES E INTRIGAS DA GLOBO


A manchete do Globo “O que eles têm?” sobre levantamento de fortuna de 108 parlamentares não aponta nenhum do PT. Se dobrassem ou até mesmo triplicassem o número de investigados, absolutamente nenhum petista estaria nessa relação. E tem mais: essa lista é falsa, pois é aquela que eles mentem ao TSE e subestimam seu patrimônio. Se for feita uma avaliação real o valor aumenta exponencialmente. Uma outra investigação que estão desafiados a fazer é investigar os bens dos petistas e ver se algum possui fortuna. Vão verificar que a maioria possui apenas sua própria residência e vivem com seus proventos. Aí sim, a rede Globo teria que explicar as intrigas e mentiras sobre a corrupção que enriqueceu o PT, com a farsa do mensalão e petrolão.

 

13 de abril de 2017

TEMER AFIRMA QUE CRISE MANTÉM O GOVERNO


Mais uma manchete hipócrita do Globo “Temer afirma que a crise não vai paralisar o governo”. Mas é claro que não vai paralisar, a crise é para deixar cada vez mais o governo, os parlamentares, os ministros reféns das ameaças de prisão e condenação. Quanto mais envolvidos, mais acovardados eles se tornam ao grande capital e a seu capataz principal (O Globo). Essa é a estratégia principal para impor as reformas (os golpes). Pode até mudar, pois mudanças surgem de uma hora para outra. A CLT nem a ditadura conseguiu mexer, assim como, a previdência, a Petrobras, o banco do Brasil, a caixa , o bndes e outros patrimônios públicos. Os golpes (são vários) desse grupo comandado pelos banqueiros, preocupados com o pagamento da dívida pública, só tem chance de passar com os criminosos e corruptos atuais do poder.

 

11 de abril de 2017

MORO DEFENDE NOS EUA DESVIO DE CONTA PARA O EXTERIOR


O juiz Moro em uma palestra na Universidade de Harvard (EUA) disse que desvio de dinheiro de campanha para conta particular é menos crime do que para financiamento de campanha. Segundo ele, o corrupto deixa o dinheiro parado ou usa como quer (absurda argumentação), já o dinheiro da política vai para trapacear eleição (um raciocínio primário onde faz um pré-julgamento). Essa fala do juiz é mal intencionada e fartamente equivocada. Por quê? O financiamento empresarial sempre existiu, desde que a República é República. A lei de financiamento não diz que é papel do parlamentar investigar a origem do dinheiro, pois ele não é da receita e nem da PF. O papel do parlamentar é pedir apoio para sua campanha à pessoa jurídica (quando a lei permitia ou permite) e  registrar no TSE. Termina ai seu papel. Se o dinheiro da empresa é ilegal, o crime é da empresa. O juiz Moro está totalmente conivente quando faz defesa do dinheiro desviado da eleição para a conta particular do parlamentar. Isso sim, é crime, é pura corrupção. Essa argumentação do juiz Moro não é por acaso. Tem um propósito: livrar seus aliados, comprovadamente corruptos com contas desviadas para o exterior e punir o PT, que registraram no TSE os recursos recebidos. Esse contorcionismo imoral ele e a mídia vem tentando há algum tempo pela lava-jato. Enquadra todo financiamento propositalmente de propina para confundir, não considerando os registrados no TSE. É um juiz, como muitos  já tem consciência, de má fé e partidário

O GLOBO SE APROPRIA DO SIGILI PARA VAZMENTOS ILEGAIS


Uma pergunta que não se cala: por que grupos privados da imprensa, que vivem da exploração do lucro e, portanto, tem interesses comerciais  econômicos e políticos tem sigilo na suas fontes de informações? Por que nessas horas de vazamentos, que podem ser mentirosos e inventados pelos patrões a justiça não teria o direito Constitucional e legal de conhecer a fonte para punir crimes de vazamentos? Que liberdade de imprensa mentirosa é essa que só vê um lado, que tem dois pesos, duas medidas, pois o vazamento não atinge aos aliados dos patrões e fica um jogo de hipocrisia de que ninguém vazou e portanto deve ser uma voz do além que deu a notícia? O Globo vaza tudo que interessa ao seu grupo monopolista, partidário e conservador. É mais uma reforma que a democracia precisa exigir.

 

6 de abril de 2017

QUE MORAL TEM O STF DE PROIBIR QUALQUER COISA MAIS


 
Deve ser mais uma piada essa proibição de forças de segurança fazerem greve. Desde quando foi permitido? Nunca. Mas nunca os gestores públicos roubaram tanto a ponto de não poderem pagar seus servidores.Como proibir alguma coisa se a proibição de não pagar os servidores foi permitida, por notórios roubos, corrupções e incompetência de seus gestores? Além disso, que moral tem o STF para poder proibir mais alguma coisa depois que rasgou a Carta Magna e permitiu o golpe em 204 milhões de eleitores? Que moral tem esse advogado do PSDB e da gang que controla os presídios de S. Paulo de proibir alguma coisa? O Brasil virou um grande teatro, não se sabe se de comédia ou de terror.

 

5 de abril de 2017

USO DA CORRUPÇÃO COMO ARMADILHA


A classe média que bateu panela e apoiou o golpe, uma parte por falta de informação política e outra por ideologia conservadora, agora percebe o tamanho do estrago e parte se arrepende. Mas a armadilha das elites e da mídia prossegue. E qual é ? Além do golpe que rasgou a constituição, usam a corrupção como instrumento para impor ao povo reformas que tiram benefícios, aposentadorias, salários, licenças, desempregam, terceirizam, desmontam a Petrobras, vendem o pré-sal (que ia para a educação), os bancos públicos. A corrupção está servindo para punir o povo e o país e deixando livre os corruptos. E por quê? Por que somente com esses corruptos soltos conseguem rasgar Constituição, CLT, previdência e doar o patrimônio público.

1 de abril de 2017

A HIPOCRISIA GLOBO COM SEU GOLPE NEOLIBERAL


A manchete do Globo “Desemprego não para de subir” é de uma hipocrisia abominável. Como o Globo esperaria que o país crescesse  entregando a economia do país para dirigentes sem voto e desmoralizados pela corrupção? Como crescer fixando tetos austeros de gastos públicos, suspendendo distribuição de renda do mercado consumidor, cortando créditos, não corrigindo salários, cortando programas sociais (bolsa família, etc), sabotando a maior empresa de petróleo nacional, entregando o pré-sal para grupos privados, paralisando a construção civil e, seus aliados golpistas, os bancos privados, não financiando empresas e os bancos públicos sendo privatizados? 

30 de março de 2017

O QUE DIFERE A ERA GETÚLIO E JANGO DA ERA LULA?


Na época existia o comunismo internacional. A elite tinha horror do avanço comunista no mundo e recuava. Foi assim na recuperação da Europa, na desconcentração da renda e nos recuos das reivindicações dos movimentos sociais de todo o planeta. Mas na era Lula não. O comunismo havia caído e não ameaçava mais. A elite que surgiu do pós-queda do muro (1990) perdeu o medo e avança como um tanque de guerra sobre todos os direitos conquistados pelo trabalhador. No Brasil o que se vê é o avanço para a barbárie. Três Poderes, com o suporte do monopólio da mídia, absolutamente indiferentes às leis, à justiça e à ética. Ninguém sabe o destino do país. Uma voz única poderosa dita o roteiro da catástrofe.

27 de março de 2017

GOLPISTAS VÃO PARA A RUA ESVAZIADOS


 
A manifestação de ontem, dia 26/3, representa a direita e sua pauta é clara: contra a lista fechada (a única maneira de fortalecer os partidos e acabar com o oportunismo do voto (jogador, artista famoso, etc) sem nenhum compromisso com qualquer programa e o voto do eleitor); se omitem nas reformas da previdência e trabalhista; se omitem  no apoio a Michel Temer; ataque de ódio ao presidente Lula, com as mesmas acusações das TVs golpistas, que é ladrão igual aos outros, mesmo sem absolutamente nenhuma prova (ódio de classe). Esses dois movimentos: “Vem pra Rua” e “Movimento Brasil Livre” representam os coxinhas e aqueles que bateram panelas pelo golpe. É a mesma direita fascista de sempre, que apoiou a ditadura militar de 64.

26 de março de 2017

O GLOBO FAZ MATÉRIA SOBRE NOTÍCIA FALSA


O Globo faz uma matéria com a manchete “Combate à notícia falsa deve ser parte da política de segurança”. A matéria ataca a Rússia por tramar as vitórias de direita na Europa, para retirá-las da Unidade Européia. Pode até ser verdade, mas o que dizer das notícias falsas de todos os demais países da Europa, Japão, EUA e dezenas de outros patrocinados pelo neoliberalismo atual? Como um país apenas pode enfrentar toda essa falsidade de mentiras e informações de dezenas de países ricos, criando o terrorismo como ameaça mundial para beneficiar seus interesses?  O Brasil é um exemplo. Vive essas mentiras da mídia, rasgando leis, atropelando justiça para atingir interesses econômicos.

 

23 de março de 2017

TERCEIRIZAÇÃO: OUTRA VITÓRIA DO TERROR NEOLIBERAL


É até difícil enumerar todas as maldades que advirão de mais esse golpe contra o trabalhador: a terceirização. A partir dessa lei qualquer área de serviço pode ser transferida para uma empresa prestadora de serviço pela empresa contratante. Por exemplo, saúde, educação, etc Privatizou tudo Não há mais limites para o capital. Todas as garantias do trabalho, previstas por décadas na CLT, acabaram. A organização sindical também. Essas empresas de prestação de serviços, quando acionadas na justiça pelo trabalhador,  mudarão sua razão social, seus sócios, capital, etc Portanto, escaparão de toda responsabilidade legal. O contratante tirará o corpo fora. Mas, o terror neoliberal prossegue. Aprovaram o teto de gastos, a terceirização. Falta impedir a aposentadoria, reduzir licenças, descansos e férias.

 

21 de março de 2017

BIPOLARIDADE DA GLOBO É A MAIOR AMEAÇA AO PAÍS



Cinicamente cita as delações comprovadas de ladroagem por troca de favores com o erário público de todos os que estão à frente do executivo, incluindo o presidente Temer. Cita o presidente da Câmara e do Senado e outras autoridades estaduais, como o Alckmin, Aécio Neves e Serra pretensos candidatos à presidência da República. Vamos levar isso para o PT, Lula e Dilma. Imagine se houvesse uma delação apenas citando conta e valor, como acontece com esses? O que aconteceria? O céu viria abaixo, 24h de TV com pedido de cassação, impedimento, prisão, etc. Mas esses citados são amigos do Rei (dos golpistas: mídia, bancos, Fiesp). Continuam governando, ameaçando a vida do trabalhador e a Globo News nem aí.

19 de março de 2017

MERECE CONFIABILIDADE ESSE ATAQUE À CARNE?


Brasil vive um momento trágico, onde suas instituições e sua Constituição máxima perderam a legitimidade e a confiança de todos. Autoridades do STF, do MPF, da PF, do Congresso, do Executivo e empresários da mídia, cada um querendo se sobressair mais e leiloar o que restou do país. Não há comando, não há liderança. O presidente é um fraco, um covarde, um venal. Depois do golpe e da fixação de teto dos gastos por 20 anos, tudo é possível. Misturam empresa com corrupção. Não se preocupam com os milhões que desempregam. Detonam tudo. Paralisam a Petrobras, vendem o pré-sal, desmoralizam as empresas de construção civil, mineração, e agora, agronegócio. Por que esse ataque selvagem ao país? Que interesses internacionais de mercado patrocinam essa devastação da nossa economia? Por que não prender os corruptos, salvar empregos, receitas e empresas? Na Alemanha, o nazismo se esfacelou, mas as empresas sobreviveram.

18 de março de 2017

ESSA QUADRILHA QUER REFORMA POLÍTICA?


Na política, certamente a única pergunta que teria unanimidade nacional, nesse momento histórico, seria: “esse Congresso Nacional tem ou construiu alguma legitimidade no campo da ética e da moral para se corrigir e fazer uma reforma política? Provavelmente uma consulta popular daria 100% não. Mas essa quadrilha tem maioria e controla o Congresso. E agora, qual é a solução para esse impasse? É notório que a única voz politicamente soberana é a do povo e é ele quem deveria, através de uma constituinte ou consulta popular específica para esse fim, resolver o impasse. Mas a quadrilha (não todos, mas a maioria) rejeita.

 

17 de março de 2017

MAIS UMA MANCHETE MENTIROSA DE O GLOBO


 
A manchete do jornal O Globo “País volta a gerar emprego” é um acinte a todos os valores éticos e morais do jornalismo. O país atravessa uma das piores crises de desemprego, milhões de desempregados e O Globo pega um número de postos criados (35 mil) para criar expectativa e mentir para a opinião pública. Tudo por quê? Para dar sustentação política ao falido (e finado) governo Temer, até a votação das reformas contra o povo (previdenciária e trabalhista). Por isso O Globo precisou desenvolver uma campanha no seu próprio jornal que garanta credibilidade. Esse histórico de O Globo vem desde a ditadura militar. Transformou-se  nessa potência que é hoje vendendo mentiras, bajulando os poderosos, levando vantagens e negociando benesses. 

 

15 de março de 2017

GLOBO É O ROTEIRISTA DESSE TEATRO BRASIL


 
Nesse teatro de comédia do absurdo que se transformou o Brasil, após o golpe de 2016, seu roteirista- O GLOBO- nada de braçadeira. Com o controle absoluto da opinião pública, faz e desfaz o roteiro. Nessa última divulgação de delatados da Odebrecht várias leituras: primeiro, a justiça, que todos sabem, não julgará ninguém a tempo de impedir nada concreto (eleições e reformas); segundo, a fala do Jucá (o maior acusado de corrupção dizendo que o negócio é trabalhar para aprovar as reformas. Esse é o roteiro que o Globo lhe passa. Um mal caráter exemplar sendo usado pelos golpistas); terceiro, a inclusão na lista de Lula e Dilma, sem absolutamente nenhuma prova, para confundir e aliviar os golpistas verdadeiramente corruptos, e quarto, o envolvimento de Carta Capital, única mídia que se mantém numa posição independente nesse atentado à democracia. Tem um lado positivo: abre um precedente para um doutor colocar em sua tese uma investigação sobre as falcatruas e benesses do Globo, desde a ditadura militar.

 

14 de março de 2017

HAVERÁ ALGUM LIMITE PARA CONTER ESSA GANG?


Essa elite colonial e neoliberal deixou a nação envergonhada. Todos os limites, até hoje, de ética e moral foram e estão sendo rompidos por uma gang de bandidos que tem o controle da economia e das comunicações. São piores do que os reis, pois esses não possuíam um poder tão forte (somente a nobreza e o clero), como o capital atual. Para implementar esse golpe contra 204 milhões de eleitores eles possuem um monopólio de mídia, que mente 24h, uma justiça covarde e elitista, um Congresso venal  e um executivo eivado de corrupção. E o que pretendem esses bandidos? Simplesmente assaltar o povo usando suas próprias leis. Sempre se acredita que se chegou ao limite. Será?

12 de março de 2017

O GLOBO LANÇA CADERNO DE "CREDIBILIDADE"


O Globo lançou um caderno provavelmente para se defender das suas crescentes mentiras dizendo “Mentiras tem pernas curtas, mas caudas longas”. E pergunta: “Antes de acreditar em tudo que você lê, se pergunte a si mesmo se a fonte (no caso o Globo) tem credibilidade”. Extrema hipocrisia ou insegurança é como se pode entender essa sua publicidade. Sem nenhum receio de errar, pode-se afirmar que o Globo foi e é o principal responsável por todo esse quadro caótico e desesperador que vive o Brasil atual. Contrapor- se a esse monopólio do mal é quase impossível. Uma usina de intriga e mentira para atingir os adversários, no caso o PT, mas que castiga e pune 200 milhões

9 de março de 2017

CABRAL E CUNHA A PRISÃO DEVIA SER PERPÉTUA


Crimes de corrupção como o de Sérgio Cabral, Eduardo Cunha, Padilha e outros parlamentares e autoridades comprovadas, a punição devia ser, no mínimo, perpétua. Por Quê? Atualmente a pena máxima (uma ficção) é de 30 anos, com um sexto da pena ( 5 anos), o ladrão vai para casa gastar e usufruir o que roubou. Com escritórios de advocacia onerosíssimos, pagos com dinheiro do roubo, muitas vezes conseguem habeas corpus antes de ir para a cadeia ou com a omissão da justiça da lentidão conveniente. Isso se chama sociedade de classe. De qualquer jeito precisou 503 anos para um partido, o PT, corrigir, modernizar e dar autonomia a investigações. Mas a direita manipula o tempo todo.

 

7 de março de 2017

CRIVELLA COBRA UM D´´IZIMO DOS APOSENTADOS DO RJ


Conteúdos como neoliberalismo, direita, luta de classe na política, poucos brasileiros entendem. Mas os eleitores dos EUA, Rio de Janeiro e S.Paulo acabam de elegê-los e endossar um golpista no Brasil.  Quatro representantes fundamentalistas dessa ala direitista. O capitalismo sempre foi e será a luta de patrão contra o empregado 24h (luta de classe). O neoliberalismo é esse capitalismo radical comandado pelos bancos, que movimentam apenas papeis (títulos) pela internet, em segundos. Tem seus suportes, entre eles a Igreja (principalmente a petencostal americana e as ramificações no Brasil) e a mídia. Crivella é o cara deles. Aí é que entra o dízimo dos aposentados e pensionistas
 

6 de março de 2017

O PODER DA LAVA-JATO


A lava-jato se transformou num valioso instrumento político para os golpistas neoliberais. São inúmeros os papeis e objetivos que vem assumindo: a) queimar o filme de Lula, Dilma e do PT para 2018; b) salvar o PSDB e seu candidato à presidência em 2018; c) preparar Moro para uma eventual candidatura à presidência; d) chantagear parlamentares contrários às reformas; e) proteger Temer até as reformas; f) desmoralizar empresas nacionais multinacionais concorrentes das americanas; g) esfacelar a Petrobras e entregar o pré-sal para grupos privados. Há outros objetivos camuflados. É assim que a direita com seu poderio econômico e midiático mantém o povo sob controle.

 

 

5 de março de 2017

ARGUMENTAÇÃO MENTIROSA DOS GOLPISTAS


A essência da argumentação dos governistas golpistas sobre economia e política é mentirosa. Estão apavorados com as novas investigações oriundas das delações da Odebrecht. Foi muito bom quando servia apenas para acusar o PT.  Dizem: “É preciso ter maturidade de toda a sociedade para entender que as reformas (previdenciária e trabalhista) são uma agenda para a sociedade reencontrar o rumo do desenvolvimento, resgatar empregos e fazer o país voltar a crescer”. Esse é o discurso enganador repetido intensa e diariamente pela Globo. Por quê? Com as reformas o ciclo é simples: reduzem salários, reduzem produção, aumentam desemprego e almejam mais lucros aos patrões.

2 de março de 2017

CORRUPÇÃO DE TEMER É CRISTALINA


Toda essa trama vergonhosa de corrupção, envolvendo principalmente o PMDB, só é possível prosseguir impune devido ao suporte midiático da (rede) Globo. É impressionante como a Globo mente, deturpa e tudo faz para segurar o presidente Temer e sua quadrilha, espalhada pelo Planalto e pelo Congresso. Não há mais nada a discutir. As provas de corrupção são cristalinas. Dilma não tem nada a  ver com isso. Foi corrupção e desvio de dinheiro, exclusivo do PMDB. A campanha era para seus indicados. É fácil verificar se os 11 milhões, doados pela Odebrecht, foram registrados no TSE? Óbvio que não. Mas a mídia só quer saber da reforma  previdenciária e trabalhista e das privatizações.

 

27 de fevereiro de 2017

LARANJAS PODRES GARANTEM REFORMAS NEOLIBERAIS


Um resumo óbvio e simples (sem ser chulo), dos últimos fatos políticos, é que o apoio ao golpe no Congresso é um saco de laranja  podre. As mais apodrecidas  são as decorrentes das propinas obtidas pelo deputado Eduardo Cunha (já reveladas) para eleger 147 deputados e elegê-lo presidente da Câmara. Foi com essas laranjas podres que a Câmara rasgou a Constituição e golpeou o voto popular recebido por Dilma. O sistema financeiro (financiou o golpe) conta com essas laranjas podres para a reforma da previdência e trabalhista. Essa maioria eles nunca conseguiriam sem corrupção, daí a pressa para aproveitar esse Congresso. Tem que ser tudo rápido. Temer é o carrasco

 

25 de fevereiro de 2017

CORRUPTÓDROMO ABRE ALAS E PEDE PASSAGEM


Uma epidemia estranha, mas negada pela mídia, vem derrubando todos os ministros do PMDB (por enquanto), que assaltaram o poder. Essa epidemia é compulsiva por dinheiro público. Destrói o erário público por onde esses contaminados passaram e passam. A mídia, bancada por laboratórios financeiros, tenta esconder o tempo todo. Faz contorcionismo cada vez mais criativos para negar a epidemia. O corruptódromo, hospital que atende a esses pacientes, está, cada dia que passa, mais infectado, faltando apenas chegar ao doente transmissor  (um tal de Michel). A vacina que dá sobrevida a esses pacientes, previdenciária e trabalhista, ameaça não chegar à tempo de salvá-los.

 

21 de fevereiro de 2017

A ELITE NO COMANDO ABSOLUTO DA CORRUPÇÃO


O que surpreende muito setores democráticos e de esquerda é a extrema facilidade com que essa elite (que já foi colonial, agrária, industrial e agora neoliberal) controla a opinião pública. Consegue dominar 204 milhões de brasileiros. Destitui, sem prova, a presidente da República, rasga Constituição, manipula justiça, leis e corrompe tudo. Será que sempre foi assim? Foi. Os 300 anos de colonização, a monarquia, a aristocracia agrária deixaram uma triste herança ao país. A independência foi um golpe e na República, Velha e Nova, também não houve participação. As redes virtuais despertaram algum alento de conscientização, mas a elite continua imbatível no controle absoluto.

19 de fevereiro de 2017

OS DESPREZADOS DA LAVA-JATO


A operação lava-jato teve e tem duas etapas: primeira, onde os delatores foram condenados a 20, 50 anos e desprezados porque não conseguiram incriminar e provar nada contra o governo do PT, Dilma e Lula. São, segundo a manchete do Globo, “Os desprezados da lava-jato”. A segunda, os 77 executivos delatores da Odebrecht. Há enorme expectativa da operação lava-jato (trabalha em ritmo intenso e em segredo somente para aliados) de alcançar o PT, Lula e Dilma. Esse é o objetivo principal (político, e não ético) dessa operação. Até agora nada que acuse ou prenda seus principais aliados do PSDB, DEM e outros. Os corruptos do PMDB ficam na berlinda enquanto servirem ao golpe.

 

16 de fevereiro de 2017

A HIPOCRISIA DA GLOBO E DE OUTRAS MÍDIAS


A manchete do Globo “Foro beneficia investigados” mostra como é difícil para maioria da população entender a hipocrisia dessa mídia. Faz uma matéria sobre a impunidade das elites políticas, econômica e jurídicas do nosso país. Curso superior, foro privilegiado, prescrição de pena, onde menos de 1% é punido. Essas leis criadas pelas elites só foram possíveis com a conivência, o apoio e manipulação dessa mídia que faz essa matéria. É a tal falsa e mentirosa liberdade de imprensa, onde um monopólio pode dizer e desdizer na prática. Quem efetivamente mexeu nessa impunidade de 500 anos foi o PT, a partir de 2003, criando a CGU, estruturando a PF e dando autonomia ao MP.

 

12 de fevereiro de 2017

TETO DOS GASTOS É A RESPOSTA DO ESPÍRITO SANTO


Paulo Hartung, governador do Espírito Santo (PMDB), quis aparecer como o mais servil das elites neoliberais brasileiras nos Estados, aplicando nos últimos dez anos um severo ajuste fiscal, cortando despesas nos salários dos servidores (saúde, educação, segurança, etc) e tornando intocáveis as bilionárias isenções fiscais e os salários inflados do judiciário. Exatamente o que os golpistas federais, Michel Temer e Meirelles, propõem para o Brasil, com a política de tetos, aprovada no Congresso. Portanto esse filme visto no Espírito Santo deverá ser o roteiro do Brasil nos próximos anos, quando esses corruptos do erário público já estarão longe. Tudo com a conivência da mídia e judiciário.

 

10 de fevereiro de 2017

NAZISMO E FASCISMO ESTÃO DE VOLTA?


 É interessante observar que nos EUA e no Brasil está acontecendo um fenômeno político muito estranho nessas últimas sete décadas: a elite financeira (estágio mais avançado do capitalismo) chegando ao poder e provocando ostensivamente a população. La, através de um processo eleitoral viciado, onde maioria perde eleição, e aqui, através de um golpe, sem o menor sentido, retira a soberania do voto. O que almeja essa elite fascista? Esticar a corda e sacrificar o povo desempregando e retirando seus únicos e últimos direitos? Aumentar seus lucros e a concentração de renda com sangue, jogando as forças armadas e a polícia contra o povo, sob a falsa alegação de baderna, terrorismo, etc? 
 

8 de fevereiro de 2017

O ESTADO DO ESPÍRITO SANTO PODE SER UM AVISO


No Espírito Santo pode estar acontecendo o que será o Brasil nos próximos anos. Sem policiamento (em greve) o transporte para, a população sem coragem não sai e o comércio fecha com medo. Enfim, o caos. O Rio de Janeiro, em situação mais grave, está por um fio do caos.. E assim outros Estados: Rio Grande do Sul, Nordestinos, etc. E por que tudo isso ocorre de um momento para o outro, se até dezembro de 2015 corria tudo tranqüilo e o Brasil era respeitado, nacional e internacionalmente, pela sua política de distribuição de renda? Muito simples: temos uma elite colonial que não admite o pobre participar da riqueza gerada no país. Golpearam a democracia e mudaram a política.

 

6 de fevereiro de 2017

ELITE LADEIRA ABAIXO


O que se observa na política brasileira é um trem ladeira abaixo sem controle. Não sabem o que fazer. A elite golpista continua nas mãos da mídia monopolizada, venal e reacionária, acrescida nesse atual estágio histórico (em substituição às forças armadas) de meia dúzia de juízes, promotores, delegados e policiais do alto escalão. Uma elite falida e sem rumo. Temer e Meirelles são uma piada. Nem o FMI respeita. Para completar o atraso só falta manipular e condenar Lula.Seus candidatos à presidência estão envolvidos em ilícitos e envergonhados. Se não fossem tão atrasados e estúpidos não impediriam Lula de voltar, redistribuir renda, acionar o crescimento e evitar o caos e a violência.

 

2 de fevereiro de 2017

A FARSA DO GOVERNO COM TETO E GASTOS


Por que essa campanha  (pós-verdade) que o governo faz com relação aos gastos e o teto? Muito simples: o neoliberalismo (os banqueiros, o sistema financeiro e produtivo) querem acabar com o Estado social, que atende a população pobre e média na área de educação, saúde, casa, geração de emprego, etc. O rico tem isso porque pode pagar. O pobre depende do Estado e suas políticas. Essa é essência do problema. E a receita e despesa do Estado como se dá? A receita vem toda do consumo (ICMS), serviços e taxas, que 95%  da população pobre é quem paga. O rico não contribui com nada de sua renda e lucro (o capital é isento). Com o desemprego a receita cai e o rico vê lucro.

 

31 de janeiro de 2017

AGENTE MORO É O CANDIDATO À PRESIDÊNCIA DA DIREITA


De repente vai ficando muito claro que a direita colonial e neoliberal já está com um candidato à presidência da República, na reserva, engatilhado: juiz Sérgio Moro. E por que Moro? Seu nome vem sendo manipulado há anos pela mídia golpista como xerife anticorrupção. Moro tem o nome de todos corruptos na mão, inclusive os candidatos do PSDB e de outros partidos. É da confiança do FBI e da Cia (um agente). Recuou com relação à Lula, pois podia ser enquadrado e punido pela escuta ilegal, coerção e prisão. Numa campanha ele é o único que tem chance contra Lula, pois a mídia vai continuar a idolatrá-lo e queimando Lula, isso se não aparecer outra falsa delação na eleição

 

30 de janeiro de 2017

A "DELAÇÃO PREMIADA" DE SÉRGIO CABRAL


Sérgio Cabral, ex-deputado, ex-senador e ex-governador do Estado do Rio de Janeiro, preso por corrupção comprovada de milhões de reais, juntamente com sua esposa, alegando muito calor na prisão, falta d’água, depressão e bullying com seus filhos pretende fazer delação premiada. Parece piada, mas não é. O que um ex-governador (o cargo mais alto da unidade administrativa, sempre eleito pela confiança do cidadão fluminense) pode denunciar? Que foi vítima? Que não sabia que o dinheiro que colocavam em sua conta era irregular? Que os corruptores se aproveitaram dele? O Febeapá, de Stanislaw Ponte Preta, está fazendo muita falta nesse Brasil do século XXI.

28 de janeiro de 2017

O ASSASSINATO DE ZAVASCKI


É vergonhoso e impressionante a pirotecnia e o contorcionismo que fazem O Globo, STF, governo Temer, Cenipa (perícia da aeronáutica) e Polícia Federal para despistar a investigação da morte de Teori Zavascki e as denúncias dos 77 executivos da Odebrecht, na lava-jato. As contradições se avolumam. A perícia e a polícia são as mesmas que encobriram o assassinato de Eduardo Campos (inconfiável). Carmem Lúcia, presidente do STF, não tem estrutura ideológica e política para resistir e enfrentar a pressão dessas elites, mas Marcelo Odebrecht faz uma revelação: Aécio Neves e outros não podem ser perdoados, pois na perseguição à Lula e Dilma quebraram as empreiteiras.

 

26 de janeiro de 2017

HOMENS E NAÇÕES BOMBAS



O neoliberalismo criou, principalmente a partir da queda do muro, não apenas homens bombas, mas país bombas. É muito simples entender: a dívida de uma nação com os bancos. Não se trata mais de dívida de empresário, mas de um povo. Os governantes (de todos os países) estão sendo eleitos (ou golpeados) com o compromisso de quitar seu déficit com os banqueiros (um saco sem fundo). Nos EUA, Trump foi assim, no Brasil o golpe também. Na França, Alemanha, etc, também será assim. Essa é a bomba relógio do século XXI. Os números do Brasil são estarrecedores: dívida em 2016, R$ 3,11 trilhões, juros R$ 900 bilhões. Só há duas saídas: tributar os ricos ou tirar dos pobres.

25 de janeiro de 2017

AUMENTO ESTARRECEDOR DA VIOLÊNCIA E DO CRIME


A quase totalidade da população brasileira (exceto os banqueiros, o setor produtivo e demais ricos) está percebendo e sentindo na pele o aumento estarrecedor da violência e do crime, a partir do golpe que derrubou a presidenta Dilma (mortes ultrapassa a Síria). E por que isso acontece?  Procuram reverter toda política de distribuição de renda que o governo Lula e Dilma do PT vinham fazendo. Reajuste e correção do salário mínimo, bolsa família, mais médicos, mais empregos, residências próprias, faculdades, créditos, etc. Estão retirando esses benefícios. O projeto deles é um só: ampliar lucros tirando do povo. Essa política está expondo dia-a-dia o país e a população para a violência e o crime.

 

24 de janeiro de 2017

ESTUPIDEZ PROIBIÇÃO DO LIVRO DE HITLER


O livro “Minha luta”, de Adolf Hitler, de 1923, teve proibido (censurada) sua edição no Brasil, sob alegação de apologia ao nazismo. Mais uma atitude estúpida e preconceituosa das nossas elites. Proíbem conhecer a história. Esse conhecimento é fundamental para que não se repita. A versão dos judeus de que o nazismo veio unicamente para persegui-los (holocausto) é mentirosa. O principal inimigo do nazismo era o comunismo, os sindicatos e os operários sindicalizados. Os judeus vieram depois e foram perseguidos por atravessarem seu caminho. Agora, com Trump, esse conhecimento seria muito valioso. Está de volta o ódio nacionalista, racista é xenófobo.

 

22 de janeiro de 2017

MORTE DE ZAVASCKI FOI ANUNCIADA


Era notório que os golpistas estavam encurralados com a delação dos 77 executivos da Odebrecht. Naturalmente que Aécio, Serra, Alckmin (candidatos neoliberais à presidência) constavam e constam desse rol. Óbviamente Temer, seus ministros e auxiliares (o que não é novidade) estariam. E outros golpistas famosos. Zavascki ia homologar (autorizar) a investigação. Jucá há um tempo atrás já havia vaticinado que Teori não podia continuar essa investigação. E não deu outra. Mataram o juiz. Alguma dúvida? Absolutamente nenhuma. Mas não será a “Comissão” da aeronáutica (cenipa), nem da PF que irá revelar isso. STF, OAB, PGR, se não fossem covardes e coniventes, deviam apurar.

20 de janeiro de 2017

MORTE DE ZAVASKI CAI EM "VALA COMUM"


Toda a armação de acidentes políticos, como esse que levou a morte do juiz Zavascki é fácil entender lendo as matérias de jornais como O GLOBO (e outros). Primeiro o óbvio: noticia amplamente a morte,  detalhes, testemunhas, família, etc. Aí os comentários: “morte atrasará lava-jato”, “quem vai controlar lava-jato”, “novo relator pode ser escolhido por Temer ou por sorteio”, “nas mãos de Carmem Lúcia”, “não será fácil achar substituto”. Muito choro, perplexidade, comoção, etc e muita hipocrisia do establishment (Gilmar Mendes até chora). Investigação é um detalhe, não se toca. Informa que a aeronáutica vai investigar (Cenipa) e a PF. A culpa é do piloto e do tempo. Sem prazo.

 

COM TRUMP A VITÓRIA DO "QUANTO PIOR MELHOR"


Uma leitura que se pode fazer da eleição de Trump para a presidência dos EUA (o império) é que existe, intencional ou não, uma estratégia de seguir um roteiro do “quanto pior melhor”. Qual seria essa ala mais radical do capitalismo e o que almeja? Difícil identificar. Mas sem a mídia venal e reacionária seria impossível. O  fascismo e o nazismo desenvolveram-se nesse ambiente e resultaram em duas guerras mundiais. Agora, é mais grave. Quem comanda é um império global. Na segurança, estimula o terrorismo, que resulta em medo, genocídio e migração. Na economia, a concentração de renda, que resulta em desemprego e fome. Na política, o fim da democracia republicana

19 de janeiro de 2017

MANCHETE DE "O DIA" DIZ QUE ACORDO SALVA SERVIDOR


Que leitura servidor e população do Estado do RJ podem fazer da manchete do jornal O DIA “Estado fecha hoje acordo que vai salvar servidores”? Essa manchete é bem significativa da estratégia e covardia da mídia em geral e do governo federal contra o elo mais fraco- o servidor. Diz que vai salvar servidores. Mas, salvar como? Despedindo servidores, suspendendo aumentos e concursos por anos, aumentando contribuição previdenciária? Salvar de quem? Do próprio governo estadual e federal, omissos e coniventes com a gestão e a corrupção? Tudo agravado com privatizações do patrimônio público ( água e esgoto, etc) e modelo para ser imposto aos demais Estados.

18 de janeiro de 2017

NESSA QUESTÃO DOS PRESOS A MÍDIA QUE ALIENA


O Globo, Estadão, Folha de S. Paulo e TVs (os principais) tem um  desempenho historicamente lamentável e deprimente entre os formadores de opinião: enganar a população e mantê-la absolutamente alienada e desinformada da realidade. Foi assim nos 13 anos (2003 a 2015) de governo do PT, onde usou todos os instrumentos de intriga e inverdades. Agora, no governo do Temer, do Alckmin (S. Paulo) age exatamente ao contrário. Será esse o papel de uma mídia que tem função pública, além de concessionária do serviço público? Nessa questão dos presos fica evidente a manipulação: vai chamar forças armadas, financiar bloqueadores, construir presídios, etc. Muita farsa.

NESSA QUESTÃO DOS PRESOS A MÍDIA QUE ALIENA

O Globo, Estadão, Folha de S. Paulo e TVs (os principais) tem um  desempenho historicamente lamentável e deprimente entre os formadores de opinião: enganar a população e mantê-la absolutamente alienada e desinformada da realidade. Foi assim nos 13 anos (2003 a 2015) de governo do PT, onde usou todos os instrumentos de intriga e inverdades. Agora, no governo do Temer, do Alckmin (S. Paulo) age exatamente ao contrário. Será esse o papel de uma mídia que tem função pública, além de concessionária do serviço público? Nessa questão dos presos fica evidente a manipulação: vai chamar forças armadas, financiar bloqueadores, construir presídios, etc. Muita farsa.

17 de janeiro de 2017

CHEGA DE HIPOCRISIA: O TRÁFICO VENCEU


Mídia e governantes mais uma vez estão sendo hipócritas e mentirosos para a opinião pública. É claro, que tudo é omissão de governantes do passado, não apenas as cadeias. Na realidade tudo vem desde Cabral. Mas não é essa a questão central dessas rebeliões. A questão é só uma e bem simples: o tráfico de drogas (e, como consequência, de  armas) venceu a guerra. Prisão é um detalhe. O tráfico controla as prisões, independente do que venha a acontecer e das medidas a serem tomadas. As autoridades penitenciárias e governamentais estão desmoralizadas (corrompidas). O resto é teatro. Dentro da cadeia  há mais recursos do que fora. Cadeia se transformou numa estratégia.

 

16 de janeiro de 2017

GOVERNANTES CORRUPTOS E BARBÁRIE NAS PRISÕES


Incompetência, covardia, corrupção são os principais ingredientes dos governantes estaduais e do governo federal nesses massacres de presos. Incompetentes para os cidadãos de fora e os presos de dentro da prisão. Uma falência absoluta e total desses governantes. Mas ainda é pouco. Muita barbárie está por vir. Não se sabe onde o massacre é maior, se fora ou dentro da prisão. Teto dos gastos, austeridade, perseguição aos aposentados, aos servidores, aos trabalhadores fora e crime, corrupção e covardia dentro da prisão. O PCC (que surgiu das prisões do Alckmin, em São Paulo)) foi provocado e domina a situação. Foi assim, em 2006, e o governo do PSDB recuou. Agora, a fatura

14 de janeiro de 2017

A NOVA APOSENTADORIA NO FILME "EU, DANIEL BLAKE"


Quem quiser ver um filme que trata da aposentadoria nesses tempos neoliberais vá ver “Eu, Daniel Blake”. O filme retrata a luta pela aposentadoria num país desenvolvido, Inglaterra. No Brasil, o golpe colocou no poder agentes do neoliberalismo e a nossa tragédia  começa com a reforma da previdência e da aposentadoria, em 2017. Todos trabalhadores, principalmente a classe média que bateu panela, deviam tomar consciência do que a espera. Uma pequena mostra da máquina trituradora de cidadãos, homens e mulheres, que representa o neoliberalismo. Vá ver antes que os exibidores de ideologia neoliberal retirem de cartaz.

O MAL ESTÁ FEITO. SALVA UMA AMPLA MOBILIZAÇÃO


A manchete do Globo golpista “Oito estados começam a privatizar saneamento” é esclarecedora de que os fins justificam os meios. O fim está claro: terminar de entregar todos os bens públicos (que FHC, o PSDB e a direita não conseguiram), que dão lucro, para a iniciativa privada, liquidando com o Estado social. Os meios foram e são óbvios, para uma minoria da população: rasgar a Constituição e a soberania do voto popular, com a farsa do impeachment. Expressiva maioria não tem informação e formação do que é a política verdadeira e real, incluindo setores da classe média, que estudou e foi bater panela, para apoiar esses criminosos. O mal está feito, só uma ampla reação pode mudar

13 de janeiro de 2017

IMPEACHMENT UNE CORRUPTOS E NEOLIBERAIS


A corrupção, tanto dos que assumiram o governo federal, quanto dos que se encontram à frente do governo estadual do RJ (e outros Estados), foi capturada pelos interesses econômicos selvagens da ideologia neoliberal. Fizeram um acordo: vocês assumem e/ou continuam no poder, apesar de todos os milhões (pode chegar a bilhões) roubados, mas vão ter de implementar nossa política. É qual é ela? Desmontar o que sobrou do Estado, após o governo do FHC. Aí incluído a perseguição brutal e covarde aos servidores (proibição de reajustes, cortes de salários e pessoal, etc) e a privatização de tudo que for lucrativo (água e esgoto, etc). Esse é o acordo do impeachment.

 

12 de janeiro de 2017

DESGOVERNO DO RIO DESCONTA DO SERVIDOR


Todo resultado de desgoverno do Estado do RJ nos últimos anos, liderado pelo PMDB de Sérgio Cabral, Picciani, Pesão e outros, será despejado nas costas do servidor público estadual e da população. Redução de salário, aumento de contribuição previdenciária, suspensão de aumentos e concursos e dispensa. A população, além dos péssimos serviços (saúde, educação, segurança) sofrerá um aumento de despesas com a privatização da água e o sgoto. Fica faltando apenas privatizar o ar. Nessa hora, o sistema financeiro golpista e a mídia criam um terror.  Alegam incúria, desagregação social, colapso, etc. Como o legislativo não aprovou, usarão o STF para homologar e intimidar